Direito à Pele

Independentemente de cores, o grito é isento nas dores. Lutamos por direitos e assumimos o dever de sermos um só: a humanidade. Ter pele é um direito que nos assiste a todos nós como humanos, ainda que poucos finjam e saibam, e que outros tapem os ouvidos, como que também há quem se dê conta, a verdade é que esta discriminação racial é uma desorientação de animais feridos e manuais escolares defuntos e seguem um padrão uniforme.

Por todo globo as gerações de jovens estão convencidas na mentira, tal qual peixes à deriva na mesma ponta do oceano, só se vê a própria margem não os erros perpetuados colectivamente, quer seja pela margem ou através dela, todos somos rápida ou facilmente envolvidos nesta rede de entendimento ausente e numa grotesca tradição de ódio desmesurado que escolhe lados.

A transmissão do cheiro a mofo e naftalina baseia-se nos esboços e articulações que deveriam, mas não foram ultrapassadas com o tempo, antes é, como se evoluíssem no espaço dos mesmos erros que são forças motrizes compostas por irracionalidade e mentes paradas, distorcidas ou até empobrecidas.

Como um relógio avariado/desconcertado por ideologias perversas ou os discursos embebidos em loucura e a injustificável cegueira e insanidade, na sociedade há lugar de escolha ao lado da justiça ou da ignorância, e esta reveste quem é fraco de espírito e também afecta cérebros ou mentes mais brilhantes que perdem o equilíbrio na lama da descaracterização fúnebre que é semelhante à espécie mais acéfala prevalecente.

Ter pele significa ter sangue que percorra paredes que não vemos, mas sabemos que é da mesma cor em todos os corpos.

Cismamos com a diferença seja em tonalidades, seja em linguagens, gestos ou afirmações com aquilo que não está em conformidade com os nossos valores e crenças.

Isto é o mais natural, trata-se da simples condição da diversificação de culturas, povos, como as representações étnicas ao longo da nossa história, e o direito à pele impede que se faça qualquer tipo de discriminação. Discriminar racialmente é um problema, e cabe-nos a nós usar a consciência para solucioná-lo de modo lógico.

 

Omar Prata

 

56659929_2450412691644635_1165053610397007872_n

Publicado por SDDH/AAC

A SDDH/AAC é uma das dezasseis secções culturais da Associação Académica de Coimbra. Fundada em 1997 encontrou-se, desde logo, na causa da sensibilização e promoção dos direitos humanos junto da comunidade académica, mas não só. Desde o início, o seu objetivo principal foi o da denúncia das diversas violações de Direitos Humanos, através da informação, formação e educação de todas as temáticas relacionadas com estes, tendo como público-alvo o estudante universitário de Coimbra. Neste sentido, a SDDH/AAC realiza projetos “para os estudantes e pelos estudantes” tentando chegar cada vez mais perto dos seus pares, incentivando um espírito crítico, atento e ativo perante as problemáticas que ocupam a atualidade no âmbito dos direitos humanos. Desenvolvem-se projetos com formatos diversificados, procurando corresponder às várias recetividades encontradas no meio académico. Ao mesmo tempo, a SDDH/AAC procura desenvolver parcerias com instituições e entidades da cidade de Coimbra com missão semelhante de forma a contribuir para a sensibilização, educação e formação a nível local e nacional. A Secção tem uma presença ativa nas redes sociais, característica que se advinha essencial na pretensão de chegar aos estudantes e de promover o ativismo junto da juventude. A equipa é constituída por estudantes das mais variadas áreas, desde as ciências sociais às ciências da saúde, passando pelas ciências exatas. O trabalho é desenvolvido em equipa no sentido de promover o desenvolvimento de soft skills e o profissionalismo. Todos os sócios contribuem de forma voluntária nos projetos do seu interesse, permitindo que todos possam propor, coordenar e participar em causas que lhes sejam próximas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: